Mercado de valores
Tempo - Tutiempo.net

UNITEL não descarta possibilidade de actuação maliciosa na rede 3G

A UNITEL garante que compensou 719 mil e 516 clientes afectados, dos Planos + de 1, 3 e 7 dias que não conseguiram usar os minutos e SMS do pacote, devido a sua expiração, aquando da perturbação da rede.

Angola /
11 Mar 2022 / 18:06 H.

A UNITEL não descarta a possibilidade de existir actuação maliciosa que causou anomalia no software da rede 3G, perturbando os serviços de VOZ, SMS e DADOS, informou a operadora numa nota enviada ao Mercado.

No passado dia 17 de Fevereiro, segundo o comunicado, a UNITEL registou perturbações, por mais de 3 horas, nos serviços de VOZ, SMS e DADOS, na sequência da anomalia no software da rede 3G, que paralisou a transmissão entre os dois sistemas centrais de redundância.

Constatada a anomalia, garante a operadora, foram criados mecanismos para a mitigação do problema. Assim, o fornecedor apresentou um novo software nos nós da rede 3G, planeado a ser implementado a partir do dia 02 de Março do corrente ano.

Uma vez solucionado o problema, um novo incidente é registado nos dias 26 e 27 de Fevereiro, ocasionando perturbações nos serviços de VOZ e SMS, mas não afecta o serviço de DADOS”.

“Conforme informado no dia 01 de Março do corrente, não foi encontrada ligação entre as duas ocorrências e foram criados os devidos procedimentos para que o tema fosse resolvido. Apesar de todos os esforços empreendidos, até à data ainda não foi encontrada a causa desse evento”, lê-se na nota.

Com a implementação da alteração do software a partir do dia 02 de Março, alega a UNITEL na nota, operação que careceu de presença física em cada um dos 6 nós da rede 3G, começaram a ser observados comportamentos erráticos da rede 3G que motivaram novas perturbações na rede nos dias 05, 10 e 11 de Março.

Face à situação, a UNITEL diz (na nota) que está em alerta desde o dia 17 de Fevereiro. “O principal fornecedor europeu dos sistemas centrais e o fornecedor americano dos nós de transmissão, estão a trabalhar em conjunto, para que seja encontrada uma solução”.

Avançou que alguns especialistas estão a caminho de Luanda para que o problema seja concluído nos próximos dias.

A UNITEL garante que compensou 719 mil e 516 clientes afectados, dos Planos + de 1, 3 e 7 dias que não conseguiram usar os minutos e SMS do pacote, devido a sua expiração, aquando da perturbação da rede.

A operadora assegurou ainda que o procedimento de compensação ficará em vigor até que seja restabelecida a estabilidade dos sistemas.

Temas