Mercado de valores
Tempo - Tutiempo.net

Basel faz investimentos e aumenta produção de sabão em barra

A empresa angolana exportou, no terceiro trimestre deste ano, produtos para a República Democrática do Congo (RDC) e Zâmbia.

Luanda /
02 Ago 2022 / 10:47 H.

A Basel (empresa especializada no fabrico de detergente) instalou mais duas linhas de produção de hipoclorito de sódio e de sabão sólido com capacidade para produzir 4 mil toneladas de detergente por mês, informou o director de marketing, Ricardo Costa, em declarações ao Mercado.

O investimento (assegurou o responsável) visa principalmente aumentar a produção de sabão sólido, pois aquela empresa espera atingir um crescimento de 500% no fabrico do respectivo produto ainda este ano, e tornar a economia angolana auto-suficiente.

Ricardo Costa também disse estar convicto de que o aumento da produção de sabão sólido vai impactar (positivamente) na arrecadação de recitas, dotando a Basel de autonomia em relação ao exterior e depois anular a importação de matéria-prima.

As duas novas linhas de produção somam-se as cinco já existentes, perfazendo um total de sete. Assim, aquela unidade fabril se vê obrigada a contratar mais 150 trabalhadores que, segundo Ricardo Costa, se juntam aos 1200, dos quais 50 são expatriados.

Apesar da sustentabilidade do negócio, face à aceitação dos produtos no mercado, a Basel (unidade fabril com capacidade instalada de 15 mil e 700 toneladas de detergentes e desinfectantes por ano) também se debate com algumas dificuldades, sendo a concorrência desleal, “pois existem produtos de fraca qualidade que existem justamente para prejudicar o consumidor e os preços no mercado”.

“Nesta altura estamos a ter menos dificuldades do que outrora. Mas tivemos muitas, principalmente para manter toda a estrutura da empresa sem suspender trabalhador e garantir sempre o melhor preço dos produtos”.

A fim de garantir a produção (contou o director de marketing) a Basel, no âmbito do PRODESI, recorreu ao crédito bancário para a importação de equipamentos da Alemanha e Itália. Quanto à matéria-prima, é proveniente da China, Turquia, Jordânia, Espanha, Rússia e Itália.

Quanto à expansão de mercado, Ricardo Costa informou que Basel, no primeiro trimestre deste ano, exportou produtos para a República Democrática do Congo (RDC) e Zâmbia, onde os produtos da empresa angolana são apreciados pelos consumidores.

A Basel Angola é uma empresa de direito angolano criado em 2009, iniciando a produção em 2012. Está instalada na Zona Económica Especial (ZEE) Luanda – Bengo, sendo detentora das marcas de detergentes, limpeza e higiene pessoal Madar, Ultra, AMA e a Glória.