Mercado de valores
Tempo - Tutiempo.net

Prémios brutos crescem 32% e atingem 25,2 mil milhões Kz em 2020

O resultado líquido cifrou-se em de 5,1 mil milhões Kz, tendo representado um crescimento de 25% face ao ano anterior.

Luanda /
27 Abr 2021 / 11:01 H.

A Nossa Seguros, companhia detentora da quarta maior quota de mercado (11%), registou, em 2020, um crescimento de 32% em prémios brutos emitidos, equivalente a 5,1 mil milhões Kz, valor acima do mercado, tendo o canal directo representando 68% do peso de toda a produção.

Os números apresentados em conferência de imprensa - esta semana - pela Comissão Executiva da seguradora indicam ainda que o canal da medição representou 28% e o bancassurance apenas 4% dos prémios brutos.

No mesmo período, a margem de solvência atingiu 248%, valor acima do dobro requerido por lei, o que contribuiu para o reforço da robustez e solidez da companhia no mercado, segundo precisou o CEO da companhia, Alexandre Carreira.

Graças ao forte crescimento das vendas, à redução da taxa de sinistralidade e ao crescimento dos resultados dos investimentos financeiros, o lucro líquido aumentou significativamente. Assim sendo, adiantou, o retorno sobre capitais próprios da empresa no final de 2020 situou-se em 46%.

Por outro lado, conforme observou, a margem de solvabilidade manteve-se num patamar bastante confortável, sendo que no final de 2020 representou 248% e o rácio de cobertura das provisões técnicas líquidas atingiu 232%.

“O alcance dos objectivos de 2020 reflectem a confiança dos nossos clientes, o suporte dos accionistas e parceiros de negócios, além da resiliência e espírito de missão de todos os colaboradores, a quem estamos profundamente gratos” disse.

Alexandre Carreira destacou igualmente que a seguradora que dirige está apostada em garantir não só os requisitos de garantias financeiras, mas também em desenvolver processos e procedimentos igualados às melhores práticas internacionais.

Entre as actividades desenvolvidas no ano passado consta, por exemplo, a devolução aos clientes dos prémios de seguro de viagem e de seguro escolar, devido ao cancelamento das viagens derivado da pandemia da COVID -19, num valor estimado em 15 milhões Kz. “Os estudantes que ainda não receberam os seus valores se deve simplesmente a problemas relacionados aos ibans”, afirmou Marcelo Perdigão, administrador Executivo.

Seguro Vida COVID

Uma das inovações registadas em 2020 tem que ver com a instituição do seguro Vida COVID 19, que conta três pacotes e várias coberturas.

O primeiro garante um milhão Kz, em caso de morte do segurado decorrente da infecção por COVID 19 e 500 mil Kz para despesas de funeral.

Conforme indicou Marcelo Perdigão, o segundo pacote dispõe de 2,5 milhões Kz em caso de morte e 750 mil Kz para despesas de funeral. O último pacote garante 5 milhões Kz para morte e um milhão para despesas de funeral do segurado. Os prémios variam de 7 600 Kz a 36 000 Kz.

Há ainda a salientar, conforme apresentação do CEO, um forte crescimento dos prémios, expondo uma média de 45% nos últimos quatro anos, aumento médio dos resultados líquidos de 64% também nos últimos quatro anos.

Destaca-se ainda o fortalecimento dos Capitais Próprios, em cerca de 44% nos últimos quatro anos, reforçando a solidez financeira da seguradora com uma margem de solvência e cobertura das provisões técnicas substancialmente acima dos limites regulamentares.

Já a administradora executiva, Cristina Nascimento, observou que face à conjuntura económica bastante desafiante, por causa do impacto causado pela pandemia da COVID-19, o negócio de particulares foi o mais afectado, tendo reduzido o seu peso a favor do empresarial.

Assinalou ainda que em 2020 os custos com sinistros registaram um aumento de 26% originado pela ocorrência de alguns sinistros de grande dimensão no ramo Petroquímica. Ainda assim, considera, o rácio de sinistralidade registou uma redução face ao ano anterior (2019) suportado essencialmente pela evolução da receita no ramo Doenças e Acidentes de Trabalho, que ficaram significativamente acima da evolução dos custos com os sinistros.