Tempo - Tutiempo.net

Industriais pedem alargamento do prazo de entrada em vigor do IVA

Empresários do sector industrial de Angola pediram em Luanda, ao Governo para alargar o prazo da entrada em vigor do Imposto de Valor Acrescentado (IVA), marcado para 01 de Julho próximo.

Luanda /
24 Mai 2019 / 11:10 H.

Os industriais, que participaram num encontro de esclarecimento sobre o IVA, promovido pela Administração Geral Tributária (AGT) em parceria com o Ministério da Indústria, alegaram não estar reunidas todas as condições tecnológicas e de recursos humanos, daí terem aconselhado o Governo a estender o prazo.

Fernando Barros, representante da indústria de transformação de material de construção, reconheceu que a entrada do IVA em qualquer país traz algumas complicações, por ser um processo que muda a forma das empresas trabalharem e se relacionar uma com as outras.

“Em dois meses e meio não sei se todas as dúvidas que existem ser esclarecidas e as condições todas criadas”, referiu, assegurando estar a preparar-se para aderir ao novo imposto fiscal.

Para o empresário, é um período curto os dois meses e 15 dias estabelecidos para que as empresas possam se preparar para as novas mudanças.

Por sua vez, o administrador delegado do Grupo Castle, Phillippe Frederic, disse estarem a trabalhar nos vários “dossiers” da empresa, com vista a analisar as repercussões dos preços em função da entrada em vigor do IVA.

O secretário de Estado da Indústria, Ivan do Prado, que presidiu ao encontro, admitiu ser uma matéria nova para todos, razão pela qual o Ministério decidiu reunir com os industriais para tirarem dúvidas junto dos técnicos da AGT.