Mercado de valores
Tempo - Tutiempo.net

COVID-19: Banco Árabe e parceiros vão ajudar África

As instituições entendem que sector da saúde e produtos farmacêuticos é uma prioridade, pelo que as medidas imediatas visam apoiar os laboratórios da África Ocidental, fornecendo kits de teste da COVID-19.

Luanda /
14 Abr 2020 / 18:19 H.

A 4ª reunião do Comité Executivo do programa da (AATB), realizada virtualmente, reuniu os líderes da ITFC e das instituições membros, em particular o Banco Árabe de Desenvolvimento Económico da África (BADEA) e o ICIEC, bem como executivos seniores do Afreximbank e do Banco Islâmico de Desenvolvimento (BID).

A Corporação Internacional de Comércio Islâmico do Comércio (ITFC) e parceiros, aprovaram o plano de acção do programa Pontes Comerciais Árabe-África (AATB) para apoiar os países africanos e árabes a manter suas economias diante do desafio global causado pela pandemia da COVID-19.

O objectivo do programa da AATB é promover a integração regional entre países africanos e árabes e fortalecer o desenvolvimento das exportações das (PMEs) Pequenas e Médias Empresas em sectores importantes para a economia desses países. Com a crise actual, as organizações membros redirecionarão todos os compromissos financeiros existentes para uma série de medidas intermédias a médio prazo que atendem directamente às necessidades das duas regiões.

Além desta assistência material e financeira, os laboratórios africanos poderão se beneficiar de programas de treinamento on-line para fortalecer o know-how e o conhecimento, em particular nos protocolos e (POS) procedimentos operacionais padrão para diagnosticar e gerenciar o coronavírus.

Outras medidas terão como objectivo melhorar o gerenciamento e as actividades das organizações farmacêuticas nacionais nos países africanos e árabes para fortalecer a estabilidade das unidades de saúde.

Como os sistemas de saúde de muitos países africanos ainda são vulneráveis, a AATB, em parceria com as entidades africanas envolvidas, se concentrará na harmonização dos padrões farmacêuticos na África e na melhoria do acesso ao mercado de produtos farmacêuticos.

“Nesta situação sem precedentes, nossas instituições não têm escolha a não ser ser ágeis, inovadoras e orientadas a resultados. Estamos coletivamente comprometidos em trabalhar de mãos dadas com governos, nossos parceiros e todas as outras partes interessadas que desempenham um papel no desenvolvimento do comércio ", disse o Dr. Sidi Ould Tah, DG BADEA e presidente do comitê executivo do programa. AATB.

Hani Salem Sonbol, diretor geral da ITFC, disse que "os parceiros da AATB rapidamente reorientaram suas prioridades e reimplantaram seu apoio aos países africanos e árabes mais vulneráveis ​​ao iminente impacto socioeconômico dessa pandemia. Com iniciativas focadas na integração comercial e capacitação nos sectores altamente críticos de Saúde, Farmacêutica e Alimentos, faremos tudo o que estiver ao nosso alcance durante o próximo período para ajudar os governos dessas duas regiões para limitar as dificuldades”.

Desde a criação do programa AATB, os produtos farmacêuticos foram imediatamente considerados um setor-chave para a integração regional do comércio. Até o momento, iniciativas comerciais no âmbito do programa AATB resultaram em transacções no valor de 150 milhões USD. A extensa rede de compradores e vendedores de produtos farmacêuticos da AATB desempenhará um papel fundamental para garantir um fornecimento regular, mais do que o necessário, durante esse período.