Mercado de valores
Tempo - Tutiempo.net

Bolsa portuguesa impulsionada pelas papeleiras, retalhistas e BCP

Na bolsa nacional, quinze empresas cotadas valoriza e três desvalorizam.

China /
04 Dez 2019 / 12:36 H.

O principal índice bolsista português (PSI 20) soma 0,58%, para 5.066,58 pontos, em linha com as principais congéneres europeias esta quarta-feira, 4 de Dezembro. Na bolsa nacional, quinze empresas cotadas valoriza e três desvalorizam.

Os títulos das papeleiras Altri (0,91%), Semapa (0,45%) e Navigator (1,10%), do BCP (0,64%), da NOS (1,18%), das retalhistas Sonae (0,82%) e Jerónimo Martins (0,59%) e dos CTT (0,57%) impulsionam o PSI 20. Já em terreno negativo, destaque para a queda superior a 1% da Sonae Capital.

Entre as principais praças europeias, os investidores revelam optimismo, com “os bons dados da actividade terciária na China” a mostrar “uma aceleração do ritmo de expansão em novembro”, segundo o MTrader do Millennium BCP, Ramiro Loureiro.

Do outro lado do Atlântico chegam noticias que o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, não terá “urgência” na assinatura de um acordo comercial com a China.

Na terça-feira, “a Câmara dos Representantes norte-americana aprovou uma resolução que prevê a imposição de sanções a oficiais chineses pela repressão do governo chinês à minoria islâmica uigur”, algo que “está a ser vista como novo obstáculo às negociações entre os EUA e a China”, diz Ramiro Loureiro.