Mercado de valores
Tempo - Tutiempo.net

INAPEM capacita cooperativas de Benguela sobre agro-negócios

Durante cinco dias (19 a 23 de Julho), na sede do INAPEM em Benguela, 30 pessoas, entre produtores, cooperativas, empresas, sector público e sociedade civil, vão ser capacitados em modelos de agro-negócios inclusivos para o desenvolvimento das cadeias de valor agro-alimentares.

Luanda /
21 Jul 2021 / 12:42 H.

O Instituto Nacional de Apoio às Micro, Pequenas e Médias Empresas (INAPEM) está a promover um workshop sobre modelos de negócios inclusivos com o objectivo de dinamizar as cadeias de valor agro-alimentares, na província de Benguela.

Com o apoio da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura (FAO, na sigla em inglês), a formação aborda temas sobre “Modelo de negócio”, “Negócios inclusivos e seus modelos”, “Vantagens e princípios dos modelos de negócios inclusivos” e “Facilitadores e metodologia dos modelos de negócios inclusivos”.

Em declarações hoje à ANGOP, a propósito do workshop, o delegado provincial de Benguela do INAPEM, Lino Cassivela Joaquim, destacou o impacto da formação na organização das cadeias de valor, para o aumento da produtividade das empresas, agricultores e cooperativas agro-pecuárias.

“A cadeia de valor liga o produtor ao consumidor”, explicou, referindo que a ideia do Ministério da Economia e Planeamento, por via do INAPEM, é ajudar os agricultores, principalmente os de pequena escala, a aumentarem e melhorarem a sua produção, para que cheguem ao mercado.

Seguindo esse pensamento, Lino Cassivela Joaquim admitiu que a melhoria das cadeias de valor passa por o produtor adequar a sua produção para fornecer aqueles produtos de que os consumidores mais necessitam e, assim, obter rendimentos.

Daí olhar para esta formação como uma oportunidade para reforçar as ligações, sobretudo entre produtores agrícolas e consumidores, tendo em vista a melhoria das cadeias de valor na agricultura.

Para ele, todos estes intervenientes envolvidos em cadeias de valor devem estar alinhados nos procedimentos de execução do agro-negócio, para integração da produção no mercado consumidor local e nacional.