Mercado de valores
Tempo - Tutiempo.net

UE precisa investir mais 1% do PIB por ano para atingir metas climáticas até 2030

A União Europeia (UE) deve passar a dedicar mais 1% anualmente do seu Produto Interno Bruto (PIB) a investimentos públicos ‘verdes’.

Luanda /
10 Set 2021 / 09:08 H.

“A necessidade de investimento público adicional necessário para cumprir os objectivos climáticos da União Europeia situa-se entre 0,5% e 1% do PIB anualmente durante esta década”, revela o grupo de reflexão Bruegel, especializado em assuntos económicos e sediado em Bruxelas, segundo a Lusa.

No documento sobre “Um pacto fiscal verde: investimento climático em tempos de consolidação orçamental”, que será apresentado este fim-de-semana na reunião dos ministros da Economia e das Finanças da UE (Ecofin), na Eslovénia, lê-se que “a percentagem de financiamento público depende, desde logo, da vontade do sector público em tributar as emissões”.

Por isso, o grupo de reflexão sugere que “os países da UE devem tributar mais as emissões, de modo a que o investimento em infra-estruturas climáticas se torne mais rentável para o sector privado, aliviando o erário público”.

“No entanto, dada a natureza de bens públicos de alguns dos investimentos necessários e das escolhas políticas existentes, a nossa melhor estimativa é que a despesa pública terá ainda de aumentar em cerca de 100 mil milhões de euros por ano”, acrescenta o Bruegel, admitindo um “grande esforço orçamental que terá de ser financiado”.

A Comissão Europeia estipulou como metas a de reduzir 55% das emissões poluentes na UE até 2030 e a de chegar à neutralidade carbónica, isto é, zero gases com efeito de estufa, em 2050.