Mercado de valores
Tempo - Tutiempo.net

Estado tem créditos de 430 mil milhões Kz da privatização de activos

IGAPE afirma que continua a registar incumprimentos no cronograma de pagamento, por parte de empresas que venceram os concursos.

Luanda /
27 Ago 2021 / 10:19 H.

O Executivo angolano tem a receber 430 mil milhões Kz dos 806 mil milhões das vendas dos 41 activos alienados, no âmbito do Programa das Privatizações (Propriv), em curso desde 2019, informou ontem o administrador do Instituto de Gestão de Activos e Participações do Estado (IGAPE), Augusto Kilekemala.

Augusto Kilekemala que falava num webinar, referiu que agora existe um total de 139 activos, dos 195 previstos, após ajustes feitos em Fevereiro deste ano, com a retirada de 70 empresas do sector das pescas artesanais e o acréscimo de outras 14 ao pacote actual.

Entretanto, deixou claro que nem todos os activos foram vendidos, porque alguns passaram para gestão privada. É o caso das três indústrias têxteis (Nova Textang II, África Têxtil, e a Comandante Bula (x-Satec),

A ministra das Finanças, Vera Daves, já se pronunciou, recentemente, sobre estes incumprimentos, tendo ponderado o recurso do Estado à arbitragem ou envolvimento dos órgãos de Justiça.

Ainda sobre o assunto, o administrador do IGAPE, Augusto Kalikemala, disse que o processo de rescisão de contrato leva muito tempo e que vão trabalhar com os adjudicatários para cumprimento das obrigações.

“Se os activos estiverem a ser explorados, teremos uma maior flexibilidade com os investidores, alargando o prazo para o cumprimento”, aventou Augusto Kalikemala.

Acrescentou que, enquanto não houver um incumprimento efectivo terão o cuidado de manter a informação, para não prejudicar os esforços que estão a ser feitos pelas empresas.