Mercado de valores
Tempo - Tutiempo.net

Défice comercial dos EUA sobe 13,8% entre Janeiro e Novembro de 2020

Em Novembro, o valor das exportações norte-americanas aumentou 1,2% para 184.200 milhões USD (cerca de 150 mil milhões de euros) e o valor das exportações subiu 2,9% para 252.300 milhões USD (206 mil milhões de euros), de acordo com os dados oficiais.

Luanda /
08 Jan 2021 / 10:48 H.

O défice comercial dos Estados Unidos acumulado entre janeiro e novembro passado atingiu 604.823 milhões de dólares (493.000 milhões de euros), 13,8% mais do que no mesmo período de 2019, informou hoje o Departamento do Comércio.

Em Novembro, o défice subiu 8% e ficou em 68.100 milhões de dólares (55.500 milhões de euros), face aos 63.100 (51.400 milhões de euros) do mês anterior, fazendo com que nos primeiros 11 meses de 2020 se ultrapasse os 604 mil USD, segundo a mesma fonte.

O saldo negativo de Novembro foi o maior desde Agosto de 2006, ficado acima do esperado pelos analistas, que apontavam para 62.500 milhões USD.

O défice nas trocas de bens e serviços de Janeiro a Novembro de 2020 foi 13,8% maior do que os 532.189 milhões de dólares (433 mil milhões de euros) registados no período homólogo de 2019.

Em Novembro, o valor das exportações norte-americanas aumentou 1,2% para 184.200 milhões USD (cerca de 150 mil milhões de euros) e o valor das exportações subiu 2,9% para 252.300 milhões de dólares (206 mil milhões de euros), de acordo com os dados oficiais.

O défice no comércio de bens com a China baixou em novembro para 26.333 milhões USD, depois dos 31.264 milhões USD de Outubro, acumulando um saldo negativo de 320.442 milhões USD desde Janeiro.

No comércio de bens com a União Europeia, os Estados Unidos tiveram em novembro um saldo negativo de 17.359 milhões USD, depois dos 16.303 milhões do mês anterior, somando desde janeiro 163.337 milhões USD.