Mercado de valores
Tempo - Tutiempo.net

BNA cria Taxa de Custódia do excesso de liquidez

O Comité de Política Monetária (CPM) do Banco Nacional de Angola (BNA) decidiu, ontem , introduzir a Taxa de Custódia sobre o Excesso de Liquidez dos bancos comerciais.

29 Jul 2020 / 12:17 H.

Com a introdução da referida taxa, que será objecto de regulamentação, o BNA quer incentivar o aumento de intermediação entre a banca comercial e o agentes económicos, com o objectivo de estimular a actividade económica.

O CPM reitera o seu comprometimento com a manutenção da estabilidade dos preços na economia e, para o efeito, continuará a monitorar todos os factores determinantes da inflação, quer do lado da oferta, quer da procura.

Na reunião desta terça-feira, o Comité da Política Monetária (CMP) decidiu manter a taxa de juro do Banco Nacional de Angola (BNA) em 15,50%, olhando para a persistência dos factores de risco para a inflação e as incertezas em torno da pandemia, a COVID-19.

Ao avaliar o comportamento recente dos principais indicadores económicos, numa conjuntura que continua afectada negativamente pela pandemia da COVID-19, o Comité decidiu manter também a taxa de juro da Facilidade Permanente de Cedência de Liquidez em 15,50%.

A taxa de juro da Facilidade Permanente de Absorção de Liquidez, com maturidade Overnight, mantém-se, de igual modo, m 0%, de acordo com o documento deste encontro distribuído à imprensa.

Os coeficientes das reservas obrigatórias em moeda nacional e estrangeira em 22% e 15%, respectivamente, de igual modo mantém, bem como a taxa de juro da Facilidade Permanente de Absorção de Liquidez, com maturidade de 7 dias em 7%.

Ainda fruto da análise feita no mercado nacional, o CMP mantém também activa a janela da Facilidade Permanente de Cedência de Liquidez, com maturidade Overnight, em até Kz 100 mil milhões, renovável trimestralmente, de modo não cumulativo, ao longo do exercício económico de 2020.