Mercado de valores
Tempo - Tutiempo.net

Aumento salarial abrange 91,3% do total dos efectivos da função pública

Duzentos e trinta e oito mil e trezentos e vinte um kwanzas, é quanto os professores do ensino primário e secundário passarão a auferir, no âmbito da aprovação da nova tabela indiciaria da função pública.

Angola /
25 Jan 2019 / 11:18 H.

Segundo o Secretário de Estado da Administração Pública, Trabalho e Segurança Social, António Francisco Afonso, que falava durante a discussão e aprovação do projecto de Lei que autoriza o Presidente da República a legislar sobre aplicação da estrutura indiciária das tabelas salariais da função pública, a medida responde a reclamação sobre o enquadramento dos professores que melhoraram o seu perfil académico.

Com aprovação deste documento, acrescentou o responsável, os funcionários públicos e agentes administrativos vão recuperar o poder de compra, resultante da taxa de inflação verificada nos últimos três anos.

“O aumento salarial vai abranger 91,3 por cento do total dos efectivos da função pública”, garantiu o governante, que acrescentando que o aumento médio do salário da função pública é de KZ 84.632 e o mínimo, que integra o pessoal não técnico, registou um aumento de 57,14 por cento, que representa KZ 33.598.

Recorde-se que o documento foi aprovado com 172 votos a favor, nenhum contra e uma abstenção.