AGT em Malanje prevê arrecadar mais de 2 mil milhões de kwanzas

16 Abr 2019 / 08:58 H.

A repartição fiscal de Malanje, afecta à segunda região tributária, prevê arrecadar até ao final de 2019 mais de 2 mil milhões de kwanzas para os cofres do Estado.

Segundo Jornal de Angola, os números avançados foram partilhados pela directora da segunda região tributária, Leonor Costa, no termo de um encontro que os deputados do círculo provincial mantiveram com a direcção regional da Administração Geral Tributária e da delegação das Finanças.

No primeiro trimestre, foram cobrados mais de 600 milhões de kwanzas resultantes do pagamento dos impostos na província.