Tempo - Tutiempo.net

Primeira galeria angolana na Internacional Fair Of Contemporary Art

11 Nov 2018 / 19:08 H.

No ano da sua vigésima quinta edição, a Artissima - Internacional Fair Of Contemporary Art- será prestigiada com a presença de seis galerias africanas, Entre as quais, a Tinawc – This Is Not a White Cube-, que pela primeira vez representará Angola.

Nesta conceituada feira de arte contemporânea do mundo , que começa hoje e vai até o próximo dia 4 de Novembro, em Torino, Itália, a bandeira nacional será representada pelos artistas angolanos, Cristiano Mangovo, Januário Jano e Pedro Pires, e o moçambicano Gonçalo Mabunda.

“A escolha destes artistas recaiu no facto de cada um deles ter uma grande visibilidade em Angola (excepto o moçambicano Gonçalo Mabunda) e um trabalho já divulgado no plano internacional. Queríamos propor artistas com abordagens diferentes e narrativas complementares. Estes artistas debruçam-se em questões de memória e identidade num contexto pós-colonial”, referiu a Directora da Tinawc.

As feiras internacionais estão cada vez mais atentas aos artistas e às galerias de África, o que estrategicamente representa um desafio mas também um objectivo, na medida em que propõem um olhar e contexto mais globalizado. “Na nossa visão, os artistas africanos ou da diáspora devem estar integrados neste contexto mais alargado. Desde 2017, já estivemos presentes em 4 feiras de arte internacionais, todas feiras de arte com foco em Africa. Mas, com o tempo, o nosso objectivo é integrar mais plataformas na Europa, Estados Unidos e Ásia. Dar a conhecer artistas angolanos e Moçambicanos faz parte da nossa Missão, e esperamos que o retorno supere as expectativas“, acrescentou.

Sob a direcção artística da curadora e historiadora de arte, Ilária Bonacossa, a Artissima traz o “Time Is On Our Side”, que segundo a especialista, nesta edição, fazem alusão ao olhar “estático congelado numa moldura da memória , capaz de definir o ritmo da mudança activado por obras de arte.”