Mercado de valores
Tempo - Tutiempo.net

Um pilar na gestão de activos do BFA

Com 25 anos de experiência no sector bancário, é desde Novembro de 2020 consultora do Conselho de Administração do Banco de Fomento Angola (BFA), depois de sair do Banco Crédito do Sul (BCS), onde integra o board, como administradora executiva.

Angola /
06 Mai 2022 / 08:09 H.

Carla Yessénia Lousada Lourenço Evangelista de Jesus faz parte do Conselho de Administração da Sociedade Gestora da BFA Gestão de Activos - Sociedade Gestora de Organismos de Investimento Colectivo, SA, instituição financeira adstrita ao Grupo BFA; é um dos dois administradores executivos que compõem a respectiva Comissão Executiva.

Com 25 anos de experiência no sector bancário, é desde Novembro de 2020 consultora do Conselho de Administração do Banco de Fomento Angola (BFA), depois de sair do Banco Crédito do Sul (BCS), onde integra o board, como administradora executiva.

Também chega a trabalhar (por quase três anos, Setembro de 2016 – Fevereiro de 2019) para o Banco Postal, ocupa igualmente a posição de administradora executiva. É a ascensão de Carla de Jesus que em Fevereiro de 2015 a Setembro de 2016 fora directora comercial da Direcção de Particulares e Negócios do BFA.

Ainda no BFA, Carla de Jesus é durante quatro anos (2011 – 2015) directora de área da Direcção de Particulares e Negócios. Esta fase marca o prelúdio do progresso profissional na instituição bancária, tendo chegado ao posto de gerente de Agência (2007 – 2010), após dirigir a Direcção Comercia do Banco VTB-África (2006 – 2007).

O percurso profissional de Carla de Jesus inicia no Banco de Comércio e Indústria (BCI) em 1997, onde trabalha até 2006, desempenhando as funções de subgerente da Agência Sede; gestora da Agência Sede; secretária da Administração; secretaria da Direcção Comercial; back-office na Agência Sede e front-office na Agência Sede.

A administradora executiva da BFA Gestão de Activos, SA é licenciada em gestão de empresas pela Universidade Gregório Semedo; mestre em Gestão – Intelectus/Universidade do Minho, Portugal; mini MBA em finanças – Portugal.

Tem várias formações complementares, das quais podem ser destacadas: prevenção e combate ao branqueamento de capitais e financiamento ao terrorismo; análise e gestão do risco de crédito; liderança e gestão de equipa; mercado monetário e cambial.