Tempo - Tutiempo.net

Procuradores dos EUA abrem investigação contra Google

Os procuradores-gerais de quase todos os estados dos EUA, democratas e republicanos, anunciaram nesta segunda-feira a abertura de uma investigação preliminar contra as práticas comerciais do gigante tecnológico Google, que domina a publicidade na Internet.

Porto /
10 Set 2019 / 14:48 H.

A medida, descrita como uma investigação preliminar das acções do Google em publicidade online, destaca as crescentes queixas sobre o domínio das chamadas grandes empresas de tecnologia.

O procurador-geral do Texas, Ken Paxton, disse que a investigação ressalta os receios sobre como o Google se beneficia dos dados colectados em actividades online.

Na investigação apoiada por 48 estados, apenas com a ausência da Califórnia e do Alabama - e acompanhada por Porto Rico e pelo distrito federal de Columbia - as autoridades se abstiveram de solicitar medidas específicas, como a fragmentação do Google, que alguns críticos haviam pedido.