Tempo - Tutiempo.net

Preço dos iPhones pode disparar e a culpa é da guerra comercial

A guerra comercial entre os Estados Unidos da América e a China pode vir a afectar as empresas norte-americanas que utilizem a mão-de-obra barata chinesa. Com a taxa aplicada aos chineses, passando de 10% para 25%, os cerca de 200 mil milhões de dólares em produtos chineses que chegam aos EUA podem estar em perigo.

EUA /
14 Mai 2019 / 17:27 H.

Isto significa que a tecnológica Apple poderá ser obrigada a rever em alta os preços dos iPhone. A Morgan Stanley apresentou um relatório onde garante que esta nova taxa pode aumentar o preço deste dispositivo em 160 dólares (142 euros), no caso de um iPhone XS que é fabricado na região chinesa. O smartphone, nos EUA, é vendido por 999 dólares, e em Portugal é vendido por 1179 dólares.

Para que a venda de iPhones não seja afetada, a Apple poderá ser obrigada a assumir os custos de produção sem penalizar o preço final do produto para o consumidor.

No entanto, na segunda-feira, a disputa comercial fez com que as acções da empresa sofressem uma quebra de 6%, caindo para os 186 dólares por acção. Esta é a maior queda desde 2013, mas desde o início do mês que as acções de Tim Cook têm apresentado uma desvalorização que já soma 11%.