Tempo - Tutiempo.net

Vice-presidente da CMVM apresenta a demissão

A CMVM confirmou que Filomena Oliveira apresentou a demissão ao ministro das Finanças, Mário Centeno. O regulador informa que o processo de substituição correrá os seus trâmites normais.

22 Mai 2019 / 09:22 H.

A vice-presidente da Comissão do Mercado dos Valores Mobiliários (CMVM), Filomena Oliveira, apresentou a demissão esta terça-feira, apurou o “Expresso”, na edição online. O semanário não avançou, no entanto, as razões que determinaram levaram Filomena Oliveira a demitir-se.

Em comunicado, a “CMVM confirma que a Dra. Filomena Oliveira apresentou a sua demissão do cargo de vice-presidente ao senhor ministro das Finanças”.

O regulador informou ainda que “o processo de substituição correrá os seus trâmites normais e a CMVM agradece o empenhado contributo da Dra. Filomena Oliveira durante os dois anos e meio de exercício de funções, desejando-lhe as maiores felicidades para os desafios que se seguirem”.

Filomena Oliveira tornou-se vice-presidente de Gabriela Figueiredo Dias em novembro de 2016, depois de esta substituir Carlos Tavares, actualmente chairman do Banco Montepio. O Ministério das Finanças deverá agora nomear um substituto de Filomena Oliveira.

A presidente da CMVM, Gabriela Figueiredo Dias, vê a sua equipa reduzida a João Gião, José Miguel Almeida e Rui Pinto, todos vogais do regulador.

Trata-se da saída da equipa de Gabriela Figueiredo Dias em pouco mais de um ano depois de o Ministério das Finanças ter substituído Afonso Silva por José Miguel Almeida.

Afonso Silva era o responsável pelo desenvolvimento das áreas de planeamento estratégico, organização interna, tecnologia e gestão de informação.