Brexit: deputados britânicos rejeitam saída sem acordo

O parlamento britânico rejeitou uma saída do Reino Unido da União Europeia sem um acordo, em qualquer circunstância, com a estreita margem de apenas quatro votos, com 312 a favor da proposta e 308 contra.

14 Mar 2019 / 08:44 H.

A Câmara dos Comuns voltou esta quarta-feira a pronunciar-se sobre o Brexit e, depois de ter recusado o Acordo de Saída, os deputados britânicos também não concordaram com uma saída da União Europeia sem acordo. A margem foi estreita: 312 votos a favor da proposta e 308 contra.

A moção do governo em debate e votação hoje convidava os deputados a “recusar aprovar a saída da União Europeia sem um Acordo de Saída”, mas recordando que a saída sem acordo continua a ser a opção por defeito porque a data está na legislação britânica.

Assim, e com a opção de sair sem acordo rejeitada pelos deputados britânicos, na quinta-feira a Câmara dos Comuns deverá votar um pedido à UE de prorrogação do processo do ‘Brexit’ para depois de 29 de Março

O texto foi apresentado após o parlamento britânico ter chumbado na terça-feira, pela segunda vez depois de uma votação em Janeiro, o Acordo de Saída do Reino Unido da União Europeia (UE), desta vez com 391 votos contra e 242 votos a favor, uma margem de 149 votos, incluindo 75 de deputados conservadores.