António Vitorino deixa administração do Santander Totta

António Vitorino renunciou ao cargo na administração do Santander Totta para onde tinha entrado em 2016

O antigo comissário europeu entrou para o banco liderado por António Vieira Monteiro.

A renúncia foi apresentada a 31 de julho, mas a saída do advogado do cargo de vogal do Conselho de Administração foi comunicada á imprensa esta segunda-feira pelo Santander Totta.

Recorde-se que no final de junho, António Vitorino tinha sido eleito director-geral da Organização Internacional das Migrações. No Santander Totta, o advogado fazia apenas parte do Comité de Remunerações e não parte da Comissão Executiva.

Além do cargo no Santander Totta, o antigo administrador acumula outras funções noutras empresas. É presidente da Mesa da Assembleia-Geral da EDP.

 

Comentários