Tempo - Tutiempo.net

Fitbit dispara 30,86% com interesse da Google

A Alphabet, matriz do Google, quer comprar a empresa norte-americana de dispositivos de tecnologia para conexão sem fios, Fitbit. A notícia foi avançada pela Reuters e CNBC. A empresa de braceletes electrónicas e smartwatchs aumenta a sua capitalização bolsista em 330 milhões de dólares para cerca de 1,5 mil milhões. Segundo a Reuters, que cita [...]

29 Out 2019 / 16:26 H.

A Alphabet, matriz do Google, quer comprar a empresa norte-americana de dispositivos de tecnologia para conexão sem fios, Fitbit. A notícia foi avançada pela Reuters e CNBC.

A empresa de braceletes electrónicas e smartwatchs aumenta a sua capitalização bolsista em 330 milhões de dólares para cerca de 1,5 mil milhões.

Segundo a Reuters, que cita fontes, não há ainda certezas de que as negociações entre a Google e a Fitbit levem a um acordo.

Mas ações da empresa que tem sede em São Francisco, dispararam na pré-abertura 30,86%.

A Fitbit tem parcerias com seguradoras de seguros de saúde e tem feito aquisições no setor da assistência Médica. Pelo que grande parte do seu valor pode estar na base de dados do setor da saúde.

A Fitbit lançou no mercado um relógio smartwatch mais barato, com a marca Versa Lite.