Navegando pela Categoria

Business

Como vai o negócio de automóveis em Angola

A nova medida tomada recentemente pelo Governo Angolano que estabelece a importação de viaturas usadas com até dez anos de fabrico tem sido aplaudida pelos vendedores de automóveis de Luanda.

Produtos Dinda podem ser produzidos em Angola

Os produtos da cesta básica de marca “Dinda”, importados do Brasil, poderão ser, no médio e longo prazos, produzidos em Angola, em função de contactos já estabelecidos com empresários angolanos.

Johnson & Johnson condenada a pagar multa bilionária

A multinacional norte-americana Johnson & Johnson foi condenada, esta quinta-feira, a indemnizar em mais de quatro mil milhões de euros 22 mulheres que afirmam ter desenvolvido cancro do ovário depois de utilizarem produtos da marca.

TAAG pode servir companhia do Bangladesh

A TAAG está a preparar uma operação “wet lease”, com a qual freta, de Julho a Setembro - por um período de 45 dias -, um Boeing 777-300-ER, com tripulação, à sua congénere Bangladesh Airlines.

Empresas abrem caminho pelo continente africano

A integração económica de África está em andamento há já algum tempo, graças a empresas africanas e multinacionais, que vêem o seu futuro num continente mais coordenado, afirma um novo relatório do BCG.

TAP prestes a recuperar divisas retidas em Angola

O ministro dos Negócios Estrangeiros Português, Augusto Santos Silva, afirmou que o governo angolano está a tomar medidas para permitir o acesso de empresas portuguesas a divisas internacionais, devendo resolver “brevemente” o problema da TAP.

FILDA/2018: Rússia e Gana estreiam-se

A Rússia e o Gana são os países estreantes, enquanto o Brasil é o grande ausente da 34ª edição da Feira Internacional de Luanda (FILDA/2018), a decorrer de terça-feira a sábado (de 10 a 14 ) nas instalações da Zona Económica Especial (ZEE), situadas no município de Viana.

Brasil ausente da Feira Internacional de Luanda 2018

Brasil não fará parte da 34.ª edição da Feira Internacional de Luanda (Filda/2018), a decorrer de terça a sábado na Zona Económica Especial Luanda/Bengo, informou está segunda-feira o director nacional para a Economia, Competitividade e Inovação do Ministério da Economia e Planeamento.