EUA: Angolanos beneficiam- se de bolsas de estudo

Os estudantes da província do Huambo interessados em se formar nos Estados Unidos de América (EUA) poderão beneficiar, pela primeira vez, de bolsas de estudos disponibilizadas pela em Angola.

Em declarações na quarta-feira última, a administradora da mediateca do Huambo, Esperança Chipindo Catito, que falava durante uma conferência sobre o ensino universitário nos EUA, disse que o projecto de concepção de bolsas está a ser desenvolvido no âmbito do programa Iniciativa para Jovens Líderes Africanos (YALI), numa parceria com a rede de mediatecas de Angola (REMA).

As mesmas bolsas serão destinadas aos candidatos que queiram  prosseguir com a sua formação a nível do ensino médio ou superior (licenciatura, mestrado e doutoramento), assim como para os que pretendem frequentar cursos técnico-profissionais.

Segundo a responsável a apresentação do projecto, visa passar a informação sobre os benefícios da população estudantil na adesão as bolsas de formação nos EUA.

Esperança Chipindo Catito assegurou que a instituição que dirige vai desenvolver acções de disseminação da informação, através de roteiros em instituições de ensino, com vista a despertar o interesse dos cidadãos que pretendem melhorar os seus níveis académicos fora do contexto angolano.

Os interessados deverão contactar a mediateca do Huambo para se inteirarem dos mecanismos para apresentação das suas candidaturas. Esperança Chipindo Catito fez saber que o projecto de bolsas de estudos da Embaixada dos EUA já beneficiou estudantes das províncias de Luanda, Benguela e Huíla.

 

Comentários