BAD disponibiliza USD 1,5 para Cabinda

O Banco Africano de Desenvolvimento (BAD) vai disponibilizar, nos próximos meses, um milhão e meio do pacote dos 123 milhões e 150 mil e 580 dólares, para a fase inicial do Projecto de Cadeias de Valores Agrícolas a ser implementado na província de Cabinda.

Em declarações à imprensa, após a visita aos municipios de Caconco e Buco-Zau, o responsável pelas políticas agrícolas do BAD, Philip Boahen, disse que o montante vai ser aplicado no trabalho que o sector da agricultura está a realizar no âmbito do projecto denominado “Cadeias de Valores Agrícolas”.

O responsável solicitou às autoridades angolanas dos Ministérios das Finanças, Agricultura e Economia maior celeridade no processo de financiamento.

O projecto de Cadeias de Valores Agrícolas tem por objectivo integrar famílias camponesas (jovens e mulheres) e organizar pequenas e médias empresas para a produção do café, palmar, cacau e também o cajú. A iniciativa contempla também a criação de infra-estruturas de produção, conservação, armazenamento e processamento, e a comercialização de mandioca, banana, batata doce, amendoim, feijão.

Os benefícios do projecto vão permitir a reabilitação das estruturas de transporte de água, formação dos actores da cadeia de valor, melhorar os serviços de extensão agrícola, construção de infra-estruturas rurais, centros de processamento agropecuária, centros de saúde comunitários, escolas primárias, melhoria ao acesso rural e de energia nas comunidades.

Comentários